Rodoviária Tietê

As rodoviárias assim como as estações, terminais ou aeroportos são esses lugares de passagem que ninguém permanece e no entanto nunca estão vazios, a perfeita moradia de fantasmas. Pessoas vão e vem com histórias e param por algumas ou muitas horas nessa ilha onde diferentes mundos se encontram. É um pedaço de terra quebra-cabeça que junta vários pedacinhos de cidades dos mais recônditas lonjuras. O burburinho, o cheiro do café e pão de queijo, a pressa, “ops cuidado um tropeço ou esbarrão, ih lá se foi a mala…” aí vem o tédio excitante de quem espera o próximo destino. Aquele lugar que a mãe diz para a criança“não larga da minha mão” “não vá se perder por aí”, pois vai que sem querer você entra no ônibus errado e acaba vivendo uma outra vida por aí…

Marcar como favorito enlace permanente.

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Este sitio usa Akismet para reducir el spam. Aprende cómo se procesan los datos de tus comentarios.